Para obter um emprego, você não precisa de ajuda. Você precisa de GRIT!

Vejo muita reclamação ultimamente no LinkedIn. As pessoas estão se dispondo a compartilhar histórias emocionantes sobre quem tem tido dificuldade de conseguir uma ocupação nesse cenário de crise em que vivemos. Como alguns já notaram, esse tipo de comportamento apenas prejudica as chances de alguém conseguir uma oportunidade, porque em vez de despertar empatia, gera a sensação no outro de que você está desesperado.

Inconscientemente, a dúvida está lançada: “Será que essa pessoa está desesperada porque o cenário está ruim ou será que ela não tem as competências adequadas para ser selecionada em um ambiente em que oportunidades são mais escassas?”

E aí surge um problema enorme que fica nebuloso devido às difíceis circunstâncias sociais e emocionais as quais estamos submetidos atualmente. A chance de você indicar uma pessoa que fez este tipo de apelo no LinkedIn fica imensamente reduzida, porque agora você está em dúvida sobre ela.

A melhor solução para essa sinuca é a orientação. Quem está desesperado precisa respirar fundo e compreender o seguinte: mesmo um favor agora não vai dar condições à sua carreira de se desenvolver. Caso você receba um favor, com tudo de pejorativo envolvido na palavra, a chance de você estar desempregado novamente em 6 meses é enorme. E não é isso que você quer.

Para conseguir um emprego e colocar a carreira em uma trilha sustentável, a competência que precisamos desenvolver se chama GRIT. Sem tradução exata para o português, GRIT significa uma mistura de coragem, determinação e força de caráter.

Você precisa de coragem para se autoexaminar, descobrir suas competências diferenciadoras (REALMENTE diferenciadoras, em vez daquela mania de pensarmos em coisas como “bom relacionamento interpessoal”), listar o que você precisa aprender e entender onde essas competências são necessárias.

Você precisa de determinação para encontrar as empresas que precisam e valorizam suas competências, incessantemente buscando os donos das vagas abertas naqueles lugares. Encontrar o dono da sua vaga, o gerente ou diretor que está patrocinando a contratação ou, em outras palavras, seu futuro chefe, é fundamental. Escreva diretamente para ele. Veja mais sobre como fazer isso neste post. 

Você precisa de força de caráter para manter sua ética profissional e suas emoções sob controle. Investigue-se, procure apoio da família e dos amigos e mantenha suas emoções no seu foro íntimo. Não as lance no LinkedIn, no Facebook ou em qualquer outro forum. Mantenha a postura profissional e projete credibilidade.

Persista, persista e persista com essas três características típicas de quem tem GRIT. Não desista. Dê tudo de si. Não há como dar errado, mesmo que o tempo da vida seja diferente do seu. Eu entendo. Seria melhor se tudo já estivesse resolvido. Mas tenha GRIT e vamos em frente. Você merece uma oportunidade por sua própria competência em vez de um favor bem recebido que, no final do dia, só vai dirimir ainda mais sua autoestima.

Líder em orientação profissional, desenvolvimento de jovens e orientação de carreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas